Skip to Store Area:

Editora Cidade Viva – Home

Memórias de um sargento de milícias / Memoirs of a militia sergeant

Memórias de um sargento de milícias / Memoirs of a militia sergeant

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$65,00
Acrescentar itens ao carrinho Comprar

Descrição Rápida

Considerado um dos 100 livros mais importantes da literatura brasileira, Memórias de um Sargento de Milícias, de Manuel Antônio de Almeida, é o segundo título em versão bilíngüe a ser lançado pela coleção River of January – O Rio de Janeiro visto por seus escritores.

Autor: Manuel Antônio de Almeida
Tradução: Mark Carlyon
Ilustrações: Luiz Áquila
Design: Evelyn Grumach
Editora Cidade Viva
Preço: R$65
Páginas: 429



Concebida pelo Instituto Light, em parceria com o Instituto Cultural Cidade Viva, a coleção tem como características principais a de explorar a experiência carioca em épocas variadas através da literatura produzida na cidade, além da publicação de clássicos em versão bilíngüe – textos em português e inglês são apresentados lado a lado.

Ademais, todos os títulos são ilustrados por nomes que além de serem referência nas artes plásticas do Rio de Janeiro, são capazes de dialogar de maneira original com o texto. A série vai permitir ainda que o leitor conheça um pouco mais do Rio antigo, as transformações, os costumes da população narradas em obras de famosos escritores cariocas ou que tiveram uma importante vivência no Rio de Janeiro.

Memórias de um Sargento de Milícias foi escrito por Manuel Antônio de Almeida entre 1852 e 1853, em forma de folhetins semanais, publicados no suplemento Pacotilha, do Correio Mercantil. Só mais tarde foram agrupados no livro, cujo título é um dos mais lidos e festejados da literatura brasileira. O autor, que nasceu no Rio, filho de imigrantes portugueses, viveu de 1831 a 1861. Era médico e funcionário público. Escreveu pouco, nada que tivesse merecido atenção do público ou da crítica, salvo esta que foi sua principal obra.

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.